Atenção!A página impressa é diferente da página exibida na tela do computador.
-- - --
Feito!
Erro!
Texto compartilhe nas redes sociais 2.PNG

Trindade do Sul decreta Situação de Emergência pela terceira vez em menos de 08 meses

Voltar ↖Seguir ↘
« Última» PrimeiraPublicação:
ImprimirReportar erroTags:munícipes, danificadas, haver, transporte, haja, vista, condição e ficaram344 palavras5 min. para ler
Trindade do Sul decreta Situação de Emergência pela terceira vez em menos de 08 meses
Clique para ampliar
As fortes chuvas que atingiram a região nos últimos dias causaram muitos prejuízos para o município de Trindade do Sul, o que fez com que o prefeito Luiz da Silva Rosa decretasse situação de emergência pela terceira vez nos últimos oito meses.

Em novembro de 2013 um forte vendaval seguido de chuvas fortes destruiu centenas de casas e fez estragos no interior. Recentemente em abril uma nova onda de chuvas fortes causaram muitos estragos destruindo pontes, bueiros e interditando estradas no interior do município e agora nos últimos dias a intensa precipitação de chuvas que ultrapassaram os 400mm novamente causaram grandes estragos em pontes, bueiros, estradas e lavouras por todo o interior do município.

Os sete dias de chuva permanentes provocaram as cheias dos riachos que cortam o município destruindo e danificando mais de 30 bueiros e 10 pontes e pontilhões, interditando estradas e deixando famílias completamente ilhadas. Os estragos nas lavouras, tanto de grãos como de pastagens e fruticultura também foram consideráveis chegando a 30% de perdas.

Quem também sofre com o transtorno das chuvas é a comunidade escolar que pela segunda vez em menos de 90 dias estão com as aulas suspensas até o dia 07 de julho pelo fato de não haver transporte escolar haja vista a condição em que ficaram as estradas danificadas pelas fortes chuvas.

O prefeito Luiz da Silva Rosa decretou situação de emergência, pela terceira vez desde novembro, e está em viagem para a capital do Estado Porto Alegre onde participa de um encontro com todos os prefeitos da Região que foram atingidos pelas chuvas e com representantes do Governo do Estado em primeira reunião na Casa Civil e posteriormente na sede da FAMURS em busca de auxílio para recuperação das estradas, bueiros e pontes danificados pelas chuvas e bem como outros auxílios que forem disponibilizados para o município. A Secretaria Municipal de Obras já iniciou os trabalhos buscando reparar o que é possível de maneira emergencial para que as estradas ofereçam o mínimo de condições de tráfego e para que possam retornar as aulas e deslocamento dos munícipes pelo interior do município.


Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it
 
Texto compartilhar.PNG