1. Início
  2. |
  3. Notícias
  4. |
  5. Primeiro Seminário da Educação Inclusiva é realizado em Trindade do Sul

Primeiro Seminário da Educação Inclusiva é realizado em Trindade do Sul

Compartilhe nas redes sociais

Share on facebook
Facebook
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

No dia de hoje (21), foi realizado o primeiro Seminário da Educação Inclusiva para os profissionais da educação de Trindade do Sul. O evento foi pensado com o objetivo de capacitar os profissionais da educação para melhor trabalhar com os alunos que possuem alguma deficiência ou dificuldade de aprendizagem. Esse seminário foi idealizado pela Escola Municipal Santa Lúcia, com o apoio da Secretária de Educação e da Administração Municipal.

Segundo a diretora da escola Cristiane Nicolodi, devido a pandemia e as aulas remotas, os professores da Escola Santa Lúcia sentiram muita dificuldade em dar suas aulas, principalmente para alunos com alguma deficiência ou aqueles que possuem alguma dificuldade de aprendizagem. Isso se mostrou ainda mais difícil, com a volta das aulas presenciais, e o seminário foi pensado e organizado para que os professores pudessem se capacitar mais nesse sentido.

Na abertura do seminário alguns alunos da Escola Santa Lúcia realizaram apresentações artísticas e o egresso da escola Samuel Camargo cantou uma canção. A Secretária de Educação Marilaine de Souza da Rosa, esteve presente no evento e enfatizou que a Secretaria de Educação está sempre de portas abertas a ideias e sugestões da comunidade escolar, principalmente quando são sobre temas necessários, importantes e fundamentais para melhorar o aprendizado dos alunos e o trabalho dos professores.

O tema do seminário era “Como conduzir a aprendizagem do aluno com deficiência” e contou com a presença da palestrante Marisa dos Santos de Mello especialista em Neuropsicopedagogia no Centro Interativo de Aprendizagem, de Curitiba e responsável por trabalhos de formação pelo Instituto INCAPE.

Na parte da tarde os participantes conheceram a administradora, escritora, estudante de direito e de pedagogia, Silvana Dezordi. Silvana é deficiente física e realiza palestras sobre sua história de vida, os momentos que se sentiu excluída da sociedade e como os profissionais da educação devem incluir os alunos com deficiência na sala de aula. Silvana enfatizou que a inclusão não precisa ser bonita, ela precisa ser prática.

Além das palestrantes a mãe de um aluno do CMEI de Trindade do Sul, Dalia Agatti, compartilhou com os participantes do seminário a sua experiência como mãe de uma criança diagnosticada com autismo nível 1.

Também participaram do evento o Pároco da Paróquia Nossa Senhora Aparecida Vilmar Rodrigues, o vereador Adílio Tomasi representando o Poder Legislativo, profissionais da educação da rede estadual de ensino, da APAE de Trindade do Sul e alguns professores do município de Três Palmeiras.

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Veja mais notícias

Iniciar conversa
Precisa de Ajuda? Fale conosco!
Precisa de Ajuda?
Fale conosco!
Skip to content