Visando debater o abuso e a exploração sexual infantil no Brasil, a Campanha do “Maio Laranja”, tem como objetivo dar visibilidade ao assunto, discutindo e promovendo conversas sobre abuso sexual contra crianças e adolescentes no Brasil.

Em Trindade do Sul, a Secretaria de Educação juntamente com a Rede de Apoio à Escola, Conselho Tutelar e o Centro de Referência a Assistência Social – CRAS, promoveram palestras nesta quarta-feira (22), no auditório da Câmara Municipal de Vereadores, com o Delegado de Polícia Civil, Germano Alves de Lima.

Na ocasião temas como: Bullying, Cyberbullying, Violência Doméstica, Abuso Sexual no âmbito familiar e na sociedade, foram abordados de uma forma didática e interativa com os alunos, que tiveram oportunidade de esclarecer dúvidas e expor opiniões.

Trabalhos com este são fundamentais, tendo em vista que estudos comprovam que em média 3 crianças são abusadas por hora no Brasil. Destas, cerca de 51% tem entre 1 a 5 anos de idade.

O levantamento se torna ainda mais assustador quando os dados sugerem que somente em torno de 7,5% dos casos chegam a ser denunciados às autoridades, ou seja, estes números na verdade são muito maiores.

Durante a palestra o Conselho Tutelar e a Policia Militar presentes no evento, relataram o aumento em Trindade do Sul de casos de abusos sexuais, morais e físicos no âmbito familiar, destacando que a população deve fazer a sua parte, denunciando aos órgãos competentes quando detectarem qualquer tipo de crime, em especial contra as crianças e adolescentes.

Abusos e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes é crime! Denuncie. Disque 100.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *